Vem entender a incógnita que é o blog


Tenho pensado neste projeto (blog) há algum tempo. Eu sempre tive blogs (salve o finado Papel de um Livro - antigo Academia de Leitura, Sr. Ewerton Lenildo em Meras Palavras e tantos outros finados) nas mais diversas plataformas e sobre os mais diversos assuntos, minha história com o mundo blogueiro não é de hoje. Confesso a vocês que planejei muito, anotei muito no papel, formei, aprimorei e descartei muitas ideias e, por fim, modelei este espaço há um bom tempo. O primeiro post, este, foi ao ar no dia 01 do mês de Junho de 2015. Propositalmente. A ideia deste blog surgiu em dezembro de 2014, em época de provas de vestibular. Pelos meses seguintes vim amadurecendo a ideia e montando parte por parte daqui.

O nome do Blog é algo que chamo de ideal. Eu queria outro espaço para falar de livros de novo, mas NÃO SÓ de livros, que também é minha paixão. Como amo viajar, ler, escrever e fazer milhares de coisas diferentes, pensei num nome que me desse esta possibilidade e eu não entrasse no dilema de me fixar com um espaço e ter que mudar o nome e toda a temática porque não estava mais me habituando com ele. O que é bem comum entre os blogueiros. Então para evitar isto, veio à minha mente o nome “Viajante das Letras”. Pensei, repensei, vi se tinha lógica. Achei fabuloso e digno de escrever por tempo indeterminado sobre vários assuntos do meu interesse. Já que sou viajante das letras e não só de livros. De textos. De tal assunto. Sou viajante de tudo o que eu quiser e tiver inspiração para escrever. Isso é mágico. Então pensei muito, e como não há nenhum outro blog na internet com esta marca, ela já é minha. Assim que pensei neste nome, não quis mais outro. “É este o ideal, se encaixa direitinho no meu propósito. Pronto”, pensei.

Sempre acreditei que o modo como você faz as coisas é que faz a diferença. Uso este espaço para falar sobre tudo o que me compõe. Falarei sobre livros, organização, minimalismo, seriados, filmes, produtividade, estudos, fotografia, inspiração e muito mais. Nesta escrita espero passar um pouco da minha paixão e agradecimento pela vida e tocar a alma de vocês. 

Ressalva importantíssima: comecei escrevendo por aqui (em 2015) sobre alimentação saudável, musculação e exercícios físicos, vegetarianismo e veganismo, cruelty free e tudo relacionado a este universo que AMO de paixão. No mês de Janeiro de 2016 tirei todos estes assuntos e transferi para o blog Vegano Recifense, onde trato com mais profundidade sobre todos estes temas e muito mais. Vocês são convidados de honra para acompanhar aquele cantinho lá também. Se quer ver o viajante, minha pessoinha, sendo um ser saudável e minha rotina alimentar, por favor, acompanhe o Vegano Recifense

Sobre o sistema de posts: isso é mega importante pois é a estrutura geral do Blog e como vocês podem acompanhá-lo mediante a sua organização pessoal e rotina. Os posts irão ao ar três dias na semana. Segunda, quarta e sexta-feira. São três categorias:

1. Laços atemporais (Segunda-feira);
2. Festim enigmático (Quarta-feira);
3. Atauúba atiaîa (Sexta-feira).

Dentro de cada categoria há as tags que uso como guia base para os posts: 

1. Segunda: Livros, filmes, seriados, mangás, animes, documentários, desenhos de infância, viagens;

2. Quarta: Decoração, inspiração, fotografia, minimalismo, tecnologia e relacionamentos;

3. Sexta: Arte, estudos, design, desapego, consumismo, sustentabilidade, produtividade, organização.

Todas estão no menu horizontal no topo do site redirecionando para suas respectivas categorias. O porquê de cada nome das categorias:

1. Laços atemporais: 

Não tenho para onde fugir. Desde sempre quando falo de livro, em livro, com livro, meu coração transborda de amor e vício louco. Quando passo numa banca de DVDs não consigo deixá-la de lado. Tenho que ir, ver, comentar, compartilhar, abraçar. Esta categoria representa tudo o que implica a minha mais alta motivação. Sou bibliófilo, cinéfilo de carteirinha. Passo horas em pé na livraria e perco a noção do tempo. Falar de coisas boa me dá combustível para viver e esta categoria está recheada de presentes bons.

2. Festim enigmático: 

Sempre estou em festa quando falo sobre tecnologia, relacionamentos, inspirações, etc. É isto o que esta categoria representa. Queria um nome que representasse festa, ao mesmo tempo que me inspirasse e a palavra "enigmático" cai como uma luva. Trata de uma euforia que não consigo ignorar.

3. Atauúba atiaîa: 

Eu estava procurando uma maneira de homenagear os povos indígenas de alguma forma no meu blog. Pouquíssimas pessoas sabem, mas recentemente descobri que tenho descendência indígena de bem próxima o que me deixou mais apaixonado e agradecido ainda. Procurei algo mais geral, pois é sabido que há inúmeras tribos espalhadas pelo Brasil e pelo mundo. Procurei algo em tupi guarani (língua em que o nome da categoria está escrita) e achei a combinação de duas palavras. Atauúba (flecha incendiária) Atiaîa (raio de luz que reflete luminosidade). O termo Atauúba atiaîa significa a modo grosso "flecha incendiária de luz" e é tudo o que esta categoria representa para mim quando falo de organização, estudos, etc. É uma maneira mínima de honrar nossos irmãos indígenas ainda hoje tão maltratados, perseguidos e injustiçados. 


Vem ver aqui os blogs e sites que amo indicar: lista {blogosfera}. 👦

Sobre a autoria das imagens, textos, citações e tudo o que compõem o blog: como valorizo muito meus princípios (leia-os aqui) e prezo pela qualidade ao invés da quantidade, posso dizer que algumas imagens são de minha autoria, assim como suas respectivas edições. Outras, são da internet (sites e blogs diversos), de pessoas específicas e sempre devidamente dadas os créditos e referências.

Quando não possuem legendas de referência, basta clicar nas imagens e terá redirecionamento para o local de onde foi retirada. Não compactuo, nem apoio plágio. E ainda caso não tenha autoria no post da imagem em questão, diga-me a fonte (provavelmente eu não achei) e eu atualizarei o post com a autoria. Caso tenha alguma imagem aqui de sua autoria e está em algum post que não foi do seu agrado, por favor, mande-me um e-mail (na aba de contato) para a retirada da mesma e mil perdões pelo transtorno desde já. É seu direito e eu sou a favor dele.

Saiba mais sobre esta questão na página de esclarecimentos

Caso você queira reproduzir algum conteúdo do meu espaço para seu blog/vlog/perfil, favor citar a fonte. Não peço que primeiramente me venha pedir autorização, permissão ou algo do tipo, só quero que sejam dados os devidos créditos (textos, vídeos ou imagens). O layout é hospedado na plataforma do Blogger e espero em breve transformá-lo em domínio (.com). Se quiser saber mais a fundo e achar outros themes, lá no final do Blog há todos os créditos. Todo o conteúdo e ajustes de design, edições e códigos de programação foram feitos por mim, Ewerton Lenildo.

Quer ver as versões anteriores do blog? Vem cá que nessa página tem tudo.


PARCERIAS, PROJETOS E AFINS

Para mais informações sobre parcerias e afins, leia esta página específica do blog sobre o assunto. Para saber mais sobre os projetos que estou inserido, clique aqui e vá para a página atualizada de Projetos 2017. Lá tem todos os links correspondentes. Veja aqui todos os atuais parceiros do blog.

Bom queridos, creio que isto é tudo. Caso tenha algo que eu não tenha dito, ou que não ficou claro para vocês, me perguntem que terei o maior prazer em explicá-los. Mandem-me um e-mail ou falem nas mídias sociais (Facebook, Twitter, Instagram, etc), todos os links (Meus e do Blog) estão na aba de contato, aqui. Sejam bem vindos! 

Laços atemporais

Não tenho para onde fugir. Desde sempre quando falo de livro, em livro, com livro, meu coração transborda de amor e vício louco. Quando passo numa banca de DVDs não consigo deixá-la de lado. Tenho que ir, ver, comentar, compartilhar, abraçar. Esta categoria representa tudo o que implica a minha mais alta motivação. Sou bibliófilo, cinéfilo de carteirinha. Passo horas em pé na livraria e perco a noção do tempo. Falar de coisas boa me dá combustível para viver e esta categoria está recheada de presentes bons. Saiba mais aqui.

Festim enigmático

Sempre estou em festa quando falo sobre tecnologia, relacionamentos, inspirações, etc. É isto o que esta categoria representa. Queria um nome que representasse festa, ao mesmo tempo que me inspirasse e a palavra "enigmático" cai como uma luva. Trata de uma euforia que não consigo ignorar. Saiba mais aqui.

Atauúba atiaîa

Eu estava procurando uma maneira de homenagear os povos indígenas de alguma forma no meu blog. Pouquíssimas pessoas sabem, mas recentemente descobri que tenho descendência indígena de bem próxima o que me deixou mais apaixonado e agradecido ainda. Procurei algo mais geral, pois é sabido que há inúmeras tribos espalhadas pelo Brasil e pelo mundo. Procurei algo em tupi guarani (língua em que o nome da categoria está escrita) e achei a combinação de duas palavras. Atauúba (flecha incendiária) Atiaîa (raio de luz que reflete luminosidade). O termo Atauúba atiaîa significa a modo grosso "flecha incendiária de luz" e é tudo o que esta categoria representa para mim quando falo de organização, estudos, etc. É uma maneira mínima de honrar nossos irmãos indígenas ainda hoje tão maltratados, perseguidos e injustiçados. Saiba mais aqui.