Quem vos escreve com amor


Olá amados. Meu nome é Ewerton Lenildo e eu sou o que viaja nas letras por aqui.

Sou uma pessoa que aprende mais a cada dia a ser mais grato a Deus por toda misericórdia recebida. Um cara que respeita e valoriza muito aqueles que considero minha família. Zelo e defendo meus amigos verdadeiros em qualquer lugar que eu vá e sei que o amor transforma vidas.

Sou vegano, ioguim e bibliófilo. Quando coloco meu nome em algo é para fazer valer. Escrevo muito sobre veganismo, alimentação saudável e outras coisas relacionadas no meu outro blog, o lindo e maravilhoso: Vegano Recifense. Visitem, sigam, compartilhem, aprendam. Derrubem mitos desta filosofia de vida. 

Eu fiquei refletindo no que eu colocaria aqui com esta nova reformulação do blog (explico mais detalhadamente aqui). Quem acompanha este cantinho há um tempinho e leu esta página antes, viu que o texto era enorme e cheio de características minhas. Desta vez quis trazer algo mais simples, um texto mais sincero e transparente. Sem tanta enrolação, falatório. Menos pessoal, mais objetivo e minimalista.

Vocês irão descobrir mais de mim  nos posts do dia a dia. Não tem segredo. 

Se vocês tiverem alguma pergunta para mim e for algo que eu possa e queira responder, vá na aba de contato do Blog e me mande e-mails e/ou mensagens nas minhas mídias sociais. Bem vindos (eu, inclusive).
Beijos de paz.


Laços atemporais

Não tenho para onde fugir. Desde sempre quando falo de livro, em livro, com livro, meu coração transborda de amor e vício louco. Quando passo numa banca de DVDs não consigo deixá-la de lado. Tenho que ir, ver, comentar, compartilhar, abraçar. Esta categoria representa tudo o que implica a minha mais alta motivação. Sou bibliófilo, cinéfilo de carteirinha. Passo horas em pé na livraria e perco a noção do tempo. Falar de coisas boa me dá combustível para viver e esta categoria está recheada de presentes bons. Saiba mais aqui.

Festim enigmático

Sempre estou em festa quando falo sobre tecnologia, relacionamentos, inspirações, etc. É isto o que esta categoria representa. Queria um nome que representasse festa, ao mesmo tempo que me inspirasse e a palavra "enigmático" cai como uma luva. Trata de uma euforia que não consigo ignorar. Saiba mais aqui.

Atauúba atiaîa

Eu estava procurando uma maneira de homenagear os povos indígenas de alguma forma no meu blog. Pouquíssimas pessoas sabem, mas recentemente descobri que tenho descendência indígena de bem próxima o que me deixou mais apaixonado e agradecido ainda. Procurei algo mais geral, pois é sabido que há inúmeras tribos espalhadas pelo Brasil e pelo mundo. Procurei algo em tupi guarani (língua em que o nome da categoria está escrita) e achei a combinação de duas palavras. Atauúba (flecha incendiária) Atiaîa (raio de luz que reflete luminosidade). O termo Atauúba atiaîa significa a modo grosso "flecha incendiária de luz" e é tudo o que esta categoria representa para mim quando falo de organização, estudos, etc. É uma maneira mínima de honrar nossos irmãos indígenas ainda hoje tão maltratados, perseguidos e injustiçados. Saiba mais aqui.